Tempo de espera para visto americano reduz consideravelmente

Voguel
Voguel 4 Leitura mínima

Planejando tirar o visto americano? O momento é agora! É que o tempo médio para obtenção de visto para turismo e negócios nos Estados Unidos (B1/B2) em São Paulo caiu consideravelmente nas últimas semanas.

Segundo a Embaixada dos EUA no Brasil, o prazo para tirar o visto B1 e B2 –os mais solicitados pelos brasileiros, no corpo consular na capital paulista está em pouco mais de 30 dias. No ano passado, o tempo de espera era de 251 dias –pouco mais de oito meses.

Créditos: Getty Images/iStockphoto

O processo de emissão do visto americano exige atenção e paciência

O mesmo foi registrado nos Consulados do Rio de Janeiro (64 dias), Brasília (70 dias), Recife (26 dias) e Porto Alegre (29 dias).

Para conferir os prazos atualizados, basta acessar o site da Embaixada americana no Brasil, onde estão disponíveis os tempos de espera em tempo real de cada escritório no país.

A taxa para tirar o visto na modalidade B1/B2 (visitantes temporários e não imigrantes) é de US$ 185  (cerca de R$ 924). 

Isenção de entrevista para renovação de visto

Departamento de Estado dos EUA estendeu a regra que dispensa as entrevistas presenciais para emissão ou renovação de certos vistos, válida até o final de 2024. A medida foi publicada no final do ano passado.

De acordo com a regra vigente, os oficiais consulares têm a prerrogativa para dispensar candidatos da exigência de entrevista nos casos de renovação do documento para negócio e turismo (B1/B2), os mais solicitados pelos brasileiros, desde que o visto anterior não esteja vencido há mais de 48 meses.

O fim da isenção de entrevistas presenciais termina no dia 31 de dezembro de 2024

Créditos: belterz/iStock

O fim da isenção de entrevistas presenciais termina no dia 31 de dezembro de 2024

Além disso, também podem ser isentos da entrevista solicitantes dos três tipos para estudo e intercâmbio (F, M e J), além dos H-1, H-3, H-4, L, O, P e Q, caso já tenham recebido um visto americano anteriormente e nunca tenham tido um pedido de entrada nos EUA negado.

Para ter este “benefício”, o candidato não pode ter tido um visto recusado anteriormente ou ter alguma inelegibilidade aparente ou potencial para a emissão da autorização de entrada nos EUA.

No entanto, os funcionários consulares poderão exigir a entrevista presencial, mesmo nos casos elegíveis de isenção, tendo em vista as condições locais de cada posto diplomático.

“Incentivamos os candidatos a verificar os sites das embaixadas e consulados para obter informações mais detalhadas sobre esse desenvolvimento, bem como o status operacional e os serviços atuais”, aconselha o Departamento de Estado em nota oficial.



Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.