Taiwan discutira novo financiamento com os EUA à medida que pressão chinesa aumenta

Voguel
Voguel 2 Leitura mínima

Militares de Taiwan disseram neste domingo que conversarão com os Estados Unidos sobre como usar o financiamento para Taipei, incluído em um pacote legislativo de 95 bilhões de dólares, que fornece principalmente assistência à Ucrânia e Israel, enquanto aviões de guerra chineses se aproximam novamente da ilha. 

Os Estados Unidos são o mais importante apoiador internacional e fornecedor de armas para Taiwan, apesar da ausência de laços diplomáticos formais. Taiwan, governada democraticamente, tem enfrentado uma pressão militar crescente da China, que vê a ilha como o seu próprio território. O governo de Taiwan rejeita essas alegações.

O Ministério da Defesa agradeceu aos parlamentares dos EUA por aprovar o pacote no sábado, citando o apoio “sólido” dos EUA a Taiwan.

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

O ministério acrescentou que “coordenará os usos orçamentários relevantes com os Estados Unidos através dos mecanismos de intercâmbio existentes e trabalhará arduamente para fortalecer as capacidades de prontidão de combate para garantir a segurança nacional, a paz e a estabilidade no Estreito de Taiwan”.

Desde 2022, Taiwan queixa-se de atrasos nas entregas de armas dos EUA, como os mísseis antiaéreos Stinger, à medida que os fabricantes se concentram em fornecer à Ucrânia para ajudar o país a combater as forças invasoras russas. Ressaltando a pressão que Taiwan enfrenta da China, o ministério disse na manhã deste domingo que, nas 24 horas anteriores, 14 aeronaves militares chinesas cruzaram a sensível linha mediana do Estreito de Taiwan

Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.