Prisão de suspeitos de mandar matar Marielle vai a referendo da Primeira Turma do STF nesta segunda-feira | Política

Voguel
Voguel 1 Leitura mínima

A decisão passará por referendo em sessão virtual, a partir da 0h desta segunda-feira (25). Os ministros terão até às 23h59 para se manifestar.

Mais novo ministro da Corte, Dino era ministro da Justiça e Segurança Pública e se empenhou para que o caso fosse elucidado. Sob o governo Lula, as investigações passaram a ser tocadas pela Polícia Federal (PF), medida que não foi tomada pela gestão anterior.

Com o avanço das apurações e o fechamento de dois acordos de colaboração premiada, a PF prendeu neste domingo Chiquinho Brazão, deputado federal do Rio pelo União Brasil; Domingos Brazão, atual conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio; e Rivaldo Barbosa, ex-chefe de Polícia Civil do Rio.

Além de Marielle, também morreu no atentado, ocorrido em 14 de março de 2018, o motorista Anderson Gomes.

Ministro Flávio Dino durante sessão da Primeira Turma do STF — Foto: Gustavo Moreno/SCO/STF

Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.