PIB da Argentina recuou 1,6% em 2023, diz governo | Mundo

Voguel
Voguel 1 Leitura mínima

A recessão se aprofundou em 2023 na Argentina e o Produto Interno Bruto (PIB) encolheu 1,6% no ano passado, informou nesta quarta-feira (20) o oficial Instituto Nacional de Estatísticas e Censos (Indec). No último trimestre de 2023, o PIB argentino contraiu 1,4%, informou o Indec.

O terceiro e o quarto trimestres de 2023 foram marcados pelo período de campanha para as eleições presidenciais — vencidas em novembro pelo economista antissistema de direita Javier Milei —, quando praticamente todos os setores da economia entraram em compasso de espera pelas medidas do novo governo, que tomou posse em dezembro.

Em 2023, inflação argentina ficou em 211,4%. Em fevereiro deste ano, a alta de preços acumulada em 12 meses chegou a 276,2%.

— Foto: Facebook / Ministério da Produção e Trabalho da Argentina

Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.