Diretor do Cruzeiro abre o jogo sobre João Pedro, afastado por indisciplina

Voguel
Voguel 4 Leitura mínima

Diretor de futebol do Cruzeiro, Pedro Martins comentou a respeito do futuro do jovem atacante João Pedro, de 21 anos. O jogador está afastado desde 25 de fevereiro por questões disciplinares.

Pedro Martins afirmou que o caso está em avaliação. João Pedro foi afastado depois de um vídeo com ele e o atacante Fernando, também jovem de 18 anos, em uma festa privada.

“O caso do João a gente está avaliando, assim como estamos avaliando diversos outros. Porque o jogador, para se desenvolver, precisa estar jogando, precisar estar em ritmo de competição, e é assim que a gente vai formar os atletas dentro do clube”, afirmou o diretor, nessa quarta-feira (20).

“Uma coisa que para a gente é inegociável é a equipe. Ninguém no Cruzeiro se coloca acima da equipe, e isso a gente não vai abrir mão nunca”, completou.

Outro envolvido na polêmica, Fernando tem empréstimo encaminhado à Ferroviária até o fim de 2024. Ele soma quatro jogos com a camisa do Cruzeiro e subiu ao profissional em 2023.

Já João Pedro foi mais presente no time principal. Ele tem oito partidas, sendo uma como titular, com dois gols marcados. O atacante também subiu ao profissional em 2023.

“Todos os jogadores que sobem da base, não falando só especificamente do João (Pedro), mas o Fernando, o Ian (Luccas), o Japa, o Kaiki, a gente procura entender como é o processo de adaptação deste menino à primeira equipe do Cruzeiro. Jogar no Cruzeiro exige uma responsabilidade muito grande, não só pelo que se faz dentro do campo mas também o que se faz fora”, também disse Pedro Martins, antes de completar.

“Quando o jogador tem potencial, a gente precisa fazer esforços e se dedicar para que sejam bem formados. Às vezes significa voltar para a equipe sub-20, algumas outras vezes significa emprestá-lo para outra instituição para que consiga amadurecer e depois voltar, e todos esses caminhos são possíveis”, finalizou.

João Pedro tem contrato com o Cruzeiro até o fim da temporada 2024. Ele de desculpou por ter participado da festa particular. O atacante já perdeu quatro partidas por conta do afastamento.

“Fala, galera! Passando aqui, primeiramente, para pedir desculpa ao Cruzeiro, à Nação Azul, que nos representa muito. Pedir desculpa à minha família, aos meus amigos, àqueles que acreditam em meu trabalho. Quero dizer que estou extremamente arrependido com esse erro e, através disso, vou assumir a responsabilidade, assumir as consequências disso”, disse, à época.

“Me comprometo a aprender com isso, que sirva de exemplo pra mim e que isso nunca mais vai se repetir. Não condiz com o atleta que eu sou, mas, independente disso, assumir a responsabilidade, a consequência disso e pedir desculpa à Nação Azul, ao Cruzeiro e a todos que acreditam no meu trabalho. Fica aqui minhas sinceras desculpas a todos”, encerrou.

O Cruzeiro entrará em campo pela próxima vez em 30 de março, um sábado, contra o Atlético-MG. Os times se enfrentarão em clássico na Arena MRV, estádio atleticano em Belo Horizonte, pela ida da final do Campeonato Mineiro.

Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.