Com o fim da onda de calor, SP e RJ enfrentam tempestades – 22/03/2024 – Cotidiano

Voguel
Voguel 4 Leitura mínima


A primeira frente fria do outono, que passa pelo litoral brasileiro, muda totalmente o clima da região sudeste nesta sexta-feira (22). A previsão é de muita chuva até pelo menos domingo (24) e diminuição da temperatura entre 8°C e 10°C em relação à registrada nesta quinta (21).

O CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas) da Prefeitura de São Paulo informa que o tempo nesta sexta na Grande São Paulo deve ser encoberto com chuvas e chuviscos, além da queda da temperatura. A previsão é que a mínima fique nos 19°C e a máxima não passe dos 22°C.

No sábado, o frio aumentará, com a temperatura variando entre 17°C e 20°C. No domingo, a variação será de 17°C a 22°C.

“As precipitações mais persistentes e volumosas devem ocorrer na faixa litorânea do estado de São Paulo. O solo encharcado mantém o potencial de novos alagamentos e deslizamentos de terra nas áreas de risco”, destaca nota do CGE. Até domingo, a chuva pode chegar a 150 mm na capital paulista.

Na região metropolitana do Rio de Janeiro, o calor, que estava superando os 40°C, também dará um tempo, com a temperatura variando entre 23°C e 25°C nesta sexta, entre 22°C e 26°C no sábado e entre 21°C e 27°C no domingo. E diferentemente dos paulistas, os cariocas devem enfrentar tempestades nos três dias, com volume de chuva que pode chegar a 300 mm nos três dias.

Segundo o Cemaden (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais), há um risco muito alto de enchentes, alagamentos e deslizamentos de terra principalmente na faixa que engloba as regiões serrana, sul e metropolitana do Rio de Janeiro.

“Neste cenário não se descarta a possibilidade de ocorrências de deslizamentos generalizados, tanto em encostas urbanizadas como em encostas naturais, podem ocorrer corridas de massa em vales encaixados, além de possíveis ‘quedas de barreira’ às margens de rodovias”, destaca o alerta do Cemaden.

No Rio, outra região ameaçada é a costa verde, que engloba as cidades de Mangaratiba, Angra dos Reis, Ilha Grande (distrito de Angra dos Reis), Paraty, Itaguaí e Rio Claro.

As regiões com maiores possibilidades de desastres em São Paulo, devido ao temporal esperado nos próximos dias, estão no litoral norte, como em São Sebastião, Ubatuba, Caraguatatuba e Ilhabela, e no Guarujá, além de parte do Vale do Paraíba.

A Marinha do Brasil também divulgou um aviso de ressaca em todo o litoral do nordeste, com previsão de ondas de 2,5 m a 3 m de altura, devido às rajadas de vento de até 100 km/h provocadas pela mudança do clima. O fim do alerta é 3h da madrugada deste domingo.

Na noite de domingo a frente fria deve se distanciar do continente, entrando no mar. Assim, a previsão é que a chuva diminua um pouco mais de intensidade, mas as pancadas de chuva continuarão, devido à umidade do ar, que ainda está alta. As temperaturas sofrerão leve alta, mas sem alcançar o nível da onda de calor que atuou até esta quinta.



Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.