China pode lançar ataques a partir da Lua, diz militar dos EUA

Voguel
Voguel 8 Leitura mínima

Está em andamento uma nova corrida espacial em direção à Lua. O objetivo oficial é levar o homem de volta ao satélite natural da Terra, promovendo bases lunares para receber astronautas no futuro. Mas segundo um militar dos Estados Unidos, a Lua pode servir como ponto estratégico militar da China.

Lua poderia servir de base para um ataque contra os EUA, segundo general (Imagem: Dima Zel/Shutterstock)

Ataques da Lua?

De acordo com o general Anthony Mastalir, Pequim pode usar uma eventual base lunar para lançar ataques contra os EUA no futuro. O militar comanda a secção do Indo-Pacífico da força de segurança fora do planeta e se diz preocupado com a possibilidade da China não honrar o tratado espacial que exige que todos os países usem o espaço apenas para beneficiar a humanidade.

O general citou duas principais áreas de preocupação: a órbita geoestacionária ou “xGEO”, uma área do espaço além de onde os satélites convencionais operam; e o espaço cis-lunar, o espaço entre a Terra e a Lua.

Mastalir afirmou que a Casa Branca precisa de se concentrar em saber se os conflitos terrestres podem escalar para o âmbito espacial. As informações são do site Futurism.

Estes são conflitos terrestres que esperamos poder dissuadir e também não queremos, embora seja cada vez mais provável, [que] se estendam para o espaço ou até mesmo comecem no espaço, mas são conflitos terrestres. Um dia no futuro isso pode mudar, mas por enquanto eu estaria mais preocupado apenas com estas novas órbitas, uma presença na Lua – o que representa em possíveis vetores de ataque para as nossas órbitas operacionais tradicionais.

General Anthony Mastalir

China Lua
Ambições chinesas na Lua são vistas com preocupação pelos EUA (Imagem: BeeBright/ Shutterstock)

China ironiza acusações

  • As declarações do militar ocorreram durante uma palestra em conferência organizada pela Aerospace Corporation e acontecem em meio ao aumento das tensões entre EUA e China.
  • Pequim já descartou qualquer intenção de usar a Lua como base para ataques contra adversários.
  • Em fevereiro deste ano, um oficial de defesa chinês chegou a acusar os Estados Unidos de “usar supostas ameaças de outras nações como desculpa para expandir o seu próprio poder militar”.
  • Recentemente, os EUA também acusaram a Rússia de estar desenvolvendo uma arma nuclear espacial.
  • Moscou, por sua vez, negou qualquer informação ligada ao possível novo armamento.



Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.